PESQUISA  
 
Nesta Edição
Todas as edições


CAPA

EDITORIAL (pág. 2)
Mauro Gomes Aranha de Lima - Presidente do Cremesp


ENTREVISTA (pág. 3)
Adilson Soares


INSTITUIÇÕES DE SAÚDE (pág. 4)
Raiva humana


CÓDIGO DE ÉTICA MÉDICA (pág. 5)
Revisão do CEM


SETEMBRO AMARELO (pàg. 6)
Campanha contra o suicídio


ÉTICA MÉDICA (pág. 7)
Comitê de Bioética Hospitalar


SUS (págs 8 e 9)
Sistema público de saúde


EXAME DO CREMESP (pág. 10)
Avaliação acadêmica


AGENDA DA PRESIDÊNCIA (pág. 11)
Congresso Nacional e Internacional de Direito Homoafetivo


EU MÉDICO (pág. 12)
Cristiane Barbieri


JOVENS MÉDICOS (pág. 13)
Residência Médica


CONVOCAÇÕES (pág. 14)
Editais


BIOÉTICA - (Pág. 15)
Judicialização


GALERIA DE FOTOS



Edição 340 - 09/2016

EXAME DO CREMESP (pág. 10)

Avaliação acadêmica


Cremesp realizará 12ª edição da prova em 16 de outubro

 

Médicos recém-formados têm até o dia 20 de setembro para realizar inscrição gratuita – pela internet – para o Exame do Cremesp 2016, de acordo com edital publicado no Diário Oficial do Estado, no dia 19 de agosto. A prova está prevista para o dia 16 de outubro (domingo), com duração de cinco horas, nas cidades de São Paulo, Botucatu, Campinas, Marília, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos, São José do Rio Preto e Taubaté.

Para participar do exame, é necessário que os candidatos estejam cursando faculdade de Medicina reconhecida pelo MEC, inclusive de outros Estados. Os candidatos deverão acessar o site www.concursosfcc.com.br; preencher o formulário de inscrição, indicando a cidade na qual pretende rea­lizar a prova; transmitir os dados pela internet; e enviar o documento comprobatório da situação de formando ou recém-formado, no respectivo link.

O Exame é composto de 120 questões básicas da Medicina. Serão considerados habilitados os formandos ou recém-formados que acertarem, pelo menos, 60% das questões da prova objetiva. Os resultados individuais são confidenciais, revelados única e exclusivamente aos participantes.

O mau desempenho ou eventual reprovação não serão impeditivos para o registro, que é um direito legalmente estabelecido de todos os médicos portadores de diploma de graduação. No entanto, diversas instituições públicas e privadas de ensino e de saúde do Estado de São Paulo já reconhecem a participação no Exame do Cremesp como instrumento de avaliação da qualidade de ensino médico, e passaram a adotá-lo como critério para programas de Residência ou postos de trabalho.

 


Formando de Medicina de anos anteriores podem 
participar da prova de 2016

 

Os egressos dos cursos de Medicina de 2014 e 2015 que pretendem melhorar seu desempenho na prova que realizaram, poderão participar do Exame do Cremesp 2016. Da mesma forma, aqueles que, por alguma razão, não a tenha realizado no respectivo período, também poderão fazer a prova, bastando inscrever-se até o dia 30 de setembro.

 


 

Médicos de Rondônia farão prova no mesmo dia de SP

 

O Conselho Regional de Medicina do Estado de Rondônia (Cremero) aplicará a avaliação para os profissionais recém-formados na mesma data que o Cremesp, em 16 de outubro. As inscrições online gratuitas também podem ser feitas no portal da Fundação Carlos Chagas (www.concursosfcc.com.br). O exame é facultativo e seguirá os mesmos critérios e metodologias de São Paulo.

Para Cleiton Bach, presidente do Cremero, a prova visa melhorar a qualidade da formação do médico. “Espero que os acadêmicos compareçam. Explicamos a importância da prova, que não tem como objetivo expor o professor nem a faculdade, mas avaliar a qualidade do ensino das escolas médicas”, explica.

 


ADESÃO

 

Beneficência Portuguesa adota Exame para Residência
e seleção de médicos

 

O Hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo aderiu ao Exame do Cremesp como um dos critérios de contratação para a Residência Médica e seleção de médicos para o corpo clínico durante evento na entidade. O diretor 1º secretário e coordenador da avaliação, Bráulio Luna Filho, apresentou aos residentes do hospital a trajetória dos 11 anos de realização do Exame do Cremesp em aula ministrada no dia 15 de setembro, no hospital.

Luna foi convidado por Cláudio Magalhães Rangel, coordenador geral do Conselho de Residência Médica (Coreme) da Beneficência, e Luiz Eduardo Bettarello, superintendente executivo do hospital. “É preocupação do Coreme, a entrada do profissional no mercado de trabalho”, disse Rangel. Estiveram presentes também Mauro Aranha, presidente do Cremesp, e o ex-conselheiro José Henrique Vila.

Para os residentes, Luna explicou as razões que motivaram a criação do Exame para avaliar o profissional recém-formado. Um deles foi o aumento no número de processos ético-profissionais julgados a partir das denúncias recebidas pelo Conselho. “Em 15 anos, as denúncias aumentaram em 320%, a maior parte delas por mau atendimento”, afirmou o diretor do Cremesp. A quantidade de escolas médicas surgidas em São Paulo na última década, muitas sem estrutura para o ensino prático, também pede providências.

A metodologia utilizada – para que o teste cognitivo seja eficiente para avaliar os conhecimentos em Medicina e para modular e equilibrar o grau de dificuldade da prova – é elaborada com base em modelos internacionais.

Em 2015, o Exame passou a ser voluntário. Ainda assim, o número de inscritos permaneceu o mesmo do ano anterior. “A avaliação não é feita para prejudicar o estudante, e sim pressionar as escolas a oferecer um ensino de qualidade”, enfatizou Luna Filho.

 

 


Este conteúdo teve 178 acessos.


CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE SÃO PAULO
CNPJ: 63.106.843/0001-97

Sede: Rua Frei Caneca, 1282
Consolação - São Paulo/SP - CEP 01307-002

CENTRAL DE ATENDIMENTO TELEFÔNICO
(11) 4349-9900 (de segunda a sexta feira, das 8h às 20h)

HORÁRIO DE EXPEDIENTE PARA PROTOCOLOS
De segunda a sexta-feira, das 9h às 18h

CONTATOS

Regionais do Cremesp:

Conselhos de Medicina:


© 2001-2021 cremesp.org.br Todos os direitos reservados. Código de conduta online. 143 usuários on-line - 178
Este site é melhor visualizado em Internet Explorer 8 ou superior, Firefox 40 ou superior e Chrome 46 ou superior